Após determinação de transferência do ex-presidente Lula para o presídio de Tremembé em São Paulo a presidente do Partido dos Trabalhadores Gleisi Hoffmann afirma que foi a pedido do ex- Juiz federal e atual ministro da Defesa Sérgio Moro.