O Chaves foi invadido pela facção Amigos dos Amigos (ADA) em 2014, e com a migração do Complexo da Pedreira inteira para o TCP, essa comunidade também mudou a bandeira automaticamente.

Naquela época, muitos crias do Chaves foram presos como CV, abrindo o caminho para o ADA ganhar território, inclusive invadindo a Proença Rosa e Mundial futuramente.

Banco Original libera cartão de crédito com alto valor para novos cadastrados

Mas atualmente, como TCP, conseguiram perder o controle da Proença Rosa e Mundial, e deixaram que o CV começasse a se armar para retomar Barros Filho inteira.

Segundo informações, alguns crias do Morro do Chaves ganharam a liberdade, e se juntaram com o antigo “Bonde do Coroa” que atuava na Pedreira antes de escolherem o TCP, e receberam investimentos dos líderes da Cidade de Deus, Final Feliz, Providência e Chapadão, para retomar o Chaves.

Mas a missão não é apenas devolver o Chaves para os crias, mas expulsar o TCP das comunidades do B13, Eternit, Joana D’arc e Terra Nostra, porque um dos bandidos que eram da confiança do MDO, esta hoje no “bonde do Coroa” que agora é da responsabilidade da Penha (CV), e sabe que o tráfico por lá não é igual antigamente.

Banco Original libera cartão de crédito com alto valor para novos cadastrados

Nesta quarta pela manhã, o CV entrou novamente no Morro do Chaves, e ficaram até o meio da tarde, saíram e avisaram os moradores que vão voltar a noite, para pegar todos envolvidos com o TCP, para conseguirem “fincar” a bandeira do CV de vez na comunidade.

O clima de guerra instalou em Barros Filho.

No último dia 24/08 houve nova invasão na comunidade do chaves no meio da tarde e o toque de recolher se instaurou pela comunidade.

Fonte: Crime News
Por: Notícias Interativas