Ao entrar no gramado do Camp Nou aos 20 minutos do segundo tempo no lugar de Carles Perez na goleada do Barcelona por 5 a 2 contra o Betis, Anssumane Fati virou o segundo jogador mais jovem a atuar pela equipe catalã.

Leia também:

Banco Inter libera cartão de crédito com limite alto para novos cadastrados

O atacante de 16 anos e 298 dias fica atrás somente de Vicenç Martínez, que estreou aos 16 anos e 280 dias no jogo contra o Real Madrid na temporada 1941-42.

Garoto de 16 anos estreia pelo Barcelona com a permissão dos pais
foto:Garoto de 16 anos estreia pelo Barcelona com a permissão dos pais

E o mais curioso é que, por causa dos regulamentos de LaLiga, que não permitem que um jogador menor de idade possa atuar em um jogo noturno, o Barça precisou de permissão oficial dos pais do garoto para que ele pudesse jogar.

O pai, Bori Fati, aliás, conta que o filho teve a chance de ir para o Real Madrid, mas optou pelo clube catalão – em decisão também referendada pela família.

Mais notícias:

Talles Magno brilha e vasco bate o São Paulo em São Januário lotado

Meu maior prazer seria sair da cadeia agora e o Moro e Dallagnol entrar, Afirma Lula

“Estávamos em Sevilha, e o Real Madrid me oferecia melhores condições que o Barcelona por meu filho. Mas elegemos o Barcelona porque vieram à minha casa com o contrato e me convenceram”, disse à rádio espanhola “Cope”.

Ansu Fati é um atacante do Barcelona B que atua pelas beiradas do campo e é considerado uma das maiores promessas do clube nos últimos tempos.

Nascido em Guiné-Bissau, ele chegou às categorias de base do Barcelona aos 10 anos (em 2013) e foi desenvolvido na famosa La Masía, que revelou nomes do atual elenco como Messi, Piqué, Busquets e Jordi Alba.