No ultimo dia 25 de agosto a população brasileira foi as ruas manifestar apoio ao Presidente Jair Bolsonaro e ao Ministro da justiça Sérgio Moro.

Moro respondeu aos manifestantes que está atento a Lei de abuso de autoridade e que tem ciência de preservar as ações de Juízes, promotores e policiais.

Leia Mais:
Banco Next oferece cartões de crédito com alto valor para novos cadastrados

#BrasilNasRuas em favor do Presidente Bolsonaro e do Ministro Moro

” Sobre as manifestações de hoje, estamos atentos ao projeto de lei de abuso de autoridade e cientes da necessidade de preservar a ação de juízes, promotores e policiais contra a corrupção e o crime organizado. Vamos examinar com cuidado. Sempre alerta. “

Moro ministro da justiça agradece manifestantes pelo apoio ao governo
Foto: Sérgio Moro ministro da justiça

A pasta:

O Ministério da Justiça e Segurança Pública, antigo Ministério da Justiça (MJ), e, também, Ministério da Justiça e Cidadania (MJC), é um órgão do Poder Executivo Federal e não possui vinculação com o Poder Judiciário do Brasil. Com a cisão do Ministério da Justiça e Segurança Pública, para a criação do Ministério da Segurança Pública, volta a ser Ministério da Justiça.

Os Poderes Executivo e Judiciário são autônomos e independentes.

O Ministério da Justiça, respeitando o princípio da independência dos Poderes, não pode interferir no Poder Judiciário; portanto, não tem competência para:

prestar informações sobre processos judiciais;
atuar em processos judiciais de terceiros;
apurar denúncia contra servidores do poder judiciário; etc.