O forte calor neste ensolarado sábado foi incapaz de afastar o alvinegro do Nilton Santos. No dia da apresentação oficial do japonês Honda como principal reforço do Botafogo para 2020, a torcida começou a chegar em peso ao estádio desde bem cedo. O gringo de 33 anos chegou ao estádio às 10h40, concedeu coletiva em sequência e pisou no gramado pontualmente às 13h.

+Antes de encontrar a torcida, Honda exalta torcida do Botafogo: “Nunca vi algo tão bonito em minha vida”

Assim que surgiu em um dos túneis, foi recebido por Jairzinho, e os mais de 13 mil torcedores explodiram em gritos de “Olê, olê, olê, olá, Honda, Honda!” e “Ô lê, lê, ô, lá lá, o Honda vem aí, e o bicho vai pegar!”.

A primeira atração foi ver Matheus Nascimento em amistoso do Botafogo contra o Boavista entre os times da categoria sub-17. E o camisa 9 não decepcionou, abrindo o placar e participando do segundo gol. O jogo terminou em 3 a 0 para o Glorioso.

Antes de pisar no gramado do Nilton Santos, Keisuke Honda, de 33 anos, disse que nunca tinha visto algo tão bonito na vida.

– De início, decidir vir para cá porque as pessoas daqui estavam esperando por mim. Eles vieram, fizeram contato em todas as redes sociais. Senti essa emoção deles, essa animação no aeroporto. Eu nunca vi nada assim. Nunca vi algo tão bonito em toda a minha vida. Acho que essa paixão dos torcedores me fez decidir jogar aqui.