Um recém-nascido de apenas 16 dias morreu durante uma briga dos pais, na madrugada dessa sexta-feira (10), em Araruna, no Agreste da Paraíba. A Polícia Civil instaurou um inquérito policial para apurar a possibilidade de um homicídio culposo, negligência dos pais e exposição da criança durante a discussão.De acordo com a Polícia Militar, o pai do bebê teria chegado em casa bêbado e agredido a mãe da criança. Durante a briga, o bebê teria passado mal. Ela foi levada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, mas já chegou morta ao local.Segundo o delegado Diógenes Fernandes, o bebê não apresentava sinais de agressão. Exames indicaram uma cardiopatia, que foi confirmada pelo médico que atendeu a criança. Para o profissional, é possível que o estresse provocado pela briga tenha agravado a doença cardíaca da vítima.Segundo Diógenes, o médico informou que o bebê já devia ter passado por uma cirurgia cardíaca, mas a unidade de saúde em que o procedimento aconteceria concentrou os atendimentos em casos de Covid-19.Os pais foram ouvidos e liberados pela polícia.CLICKPB