Receita federal e Ministério Público cumpriram 220 mandatos no Paraná

0
18

Agentes da Polícia Civil, Receita Federal e Ministério Público cumpriram 220 mandados judiciais em 39 cidades do Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo na Operação Expresso, que investiga sonegação bilionária de impostos no setor de café.

O esquema, que desviou cerca de R$ 1 bilhão em tributos federais e estaduais, também envolve creditação indevida de ICMS, crimes de falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e associação criminosa em 39 cidades do Paraná, Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo.Mais de 111 servidores da Receita Federal, 710 policiais civis, servidores das receitas estaduais e peritos cumpriram os 35 mandados de prisão temporária, 124 de busca e apreensão e 61 de sequestro de bens.

A sonegação de tributos gera concorrência desleal e prejudica as empresas que estão cumprindo seus deveres. #Polícia#SecomVc#Justiça#ReceitaFederalFonte: Receita Federal#PraCegoVer: Na imagem, montes de notas de R$ 50 e R$ 100 e US$ 100 apreendidas durante operação policial. Texto: “Operação Expresso. Ação desmonta esquema bilionário de sonegação de impostos no setor de café. Investigados atuavam em 39 cidades do Paraná, Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo”. Secom. Presidência da República.Ministério da Economia Receita Federal Polícia Federal – PF