Bolsonaro tem que se explicar no Supremo, diz Santa Cruz

O presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, quer levar o presidente Jair Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal para explicar o que Bolsonaro quis dizer quando afirmou que sabia sobre a morte de seu pai, Fernando Santa Cruz Oliveira, desaparecido durante a ditadura militar.

LEIA MAIS:

Miguel Reale Jr diz que Brasil vive caso de interdição

Em um atestado de óbito expedido pela Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos, veiculada ao Ministério da Mulher e Direitos Humanos, afirma que Santa Cruz morreu “de causa não natural, violenta, causada pelo Estado brasileiro”.

Comentários