sábado, agosto 13, 2022
HomeNotíciasPrincipais sintomas de autismo em crianças e adolecentes,VEJA...

Principais sintomas de autismo em crianças e adolecentes,VEJA…

Os primeiros sinais e sintomas de autismo são identificados, geralmente, por volta dos 2 a 3 anos de idade, período em que a criança tem uma maior interação com as pessoas e o ambiente.

O autismo é uma síndrome que causa alterações na capacidade de comunicação, interação social e comportamento, o que provoca sinais e sintomas como dificuldades na fala, bloqueios na forma de expressar ideias e sentimentos, assim como comportamentos incomuns, como não gostar de interagir, ficar agitado ou repetir movimentos.

É importante lembrar que ter alguns destes sinais não é suficiente para confirmar o diagnóstico de autismo, pois podem ser traços de personalidade. Assim, o ideal é sempre consultar o pediatra para fazer uma avaliação mais detalhada.

Sintomas de autismo na criança.

No autismo leve, a criança apresenta poucos sintomas, que podem muitas vezes passar despercebidos.

Dificuldade na interação social

  • Não olhar nos olhos ou evitar olhar nos olhos, mesmo quando alguém fala com a criança, estando bem próximo;
  • Risos e gargalhadas inadequadas ou fora de hora, como durante um velório ou uma cerimônia de casamento ou batizado, por exemplo;
  • Não gostar de carinho ou afeto e por isso não se deixar abraçar ou beijar;
  • Dificuldade em relacionar-se com outras crianças, preferindo ficar sozinho em vez de brincar com elas;
  • Repetir sempre as mesmas coisas, brincar sempre com os mesmos brinquedos.

. Dificuldade de comunicação

  • A criança sabe falar, mas prefere não falar nada e mantém-se calada por horas, mesmo quando lhe fazem perguntas; 
  • A criança refere-se a si mesma com a palavra “você”;
  • Repete a pergunta que lhe foi feita várias vezes seguidas sem se importar se está chateando os outros;
  • Mantém sempre a mesma expressão no rosto e não entende gestos e expressões faciais de outras pessoas;
  • Não responder quando é chamado pelo nome, como se não estivesse ouvindo nada, apesar de não ser surdo e de não ter nenhum comprometimento auditivo;
  • Olhar com o canto do olho quando se sente desconfortável;
  • Quando fala, a comunicação é monótona e com tom pedante.

Alterações comportamentais

  • A criança não tem medo de situação perigosas, como atravessar a rua sem olhar para os carros, chegar muito perto de animais aparentemente perigosos, como cães de grande porte;
  • Ter brincadeiras estranhas, dando funções diferentes aos brinquedos que possui;
  • Brincar com somente uma parte de um brinquedo, como a roda do carrinho, por exemplo, e ficar constantemente olhando e mexendo nela;
  • Aparentemente não sentir dor e parecer gostar de se machucar ou de machucar os outros de propósito;
  • Levar o braço de outra pessoa para pegar o objeto que ela deseja;
  • Olhar sempre na mesma direção como se estivesse parado no tempo;
  • Ficar se balançando para frente e para trás por vários minutos ou horas ou torcer as mãos ou os dedos constantemente;
  • Dificuldade para se adaptar a uma nova rotina ficando agitado, podendo-se autoagredir ou agredir os outros;
  • Ficar passando a mão em objetos ou ter fixação por água;
  • Ficar extremamente agitado quando está em público ou em ambientes barulhentos.

GOSTOU DO POSTE DEIXE SEU COMENTÁTIO!

RELATED ARTICLES

1 COMMENT

Comments are closed.

Most Popular

Recent Comments